logo oeiraslogo 1 mob
logo 2
oeirasoeiras
macau
oeiras
symbol oeiras
macau
symbol macau
logo 1
logo 2
pt
lang
en
infoline upart actsmusic actsticketsvenuefacebookinstagramtwitterpinterestyoutubenewsletter
Image

DJ Marfox, nascido em Portugal mas com raízes em São Tomé e Príncipe, é uma autêntica lenda urbana, suburbana e do gueto lisboeta. Lançou em 2016 o seu mais recente e aclamado disco “Chapa Quente” na editora Príncipe, que figurou em alguns dos tops mais destacados de final do ano (FACT, XLR8R, Thump, Crack Magazine, Mixmag ..) e foi nomeado para ‘Disco do Ano’ nos Prémios Time Out. A sua inigualável visão de techno barroco e ritmicamente expansivo, imbuído de Garage, Bass e Batida (Kuduro instrumental) tem seduzido e cativado público e crítica pelo mundo fora com títulos em outros selos discográficos como a Enchufada, Lit City Trax, Boomkat Records e Warp Records. Tem também recebido convites para remisturar temas de outros artistas, tendo realizado para "Water Fountain" da banda tUnE-yArDs, para o tema "Tabu" da rapper nacional Capicua no disco "Medusa”, para "Come To Your Senses" de Panda Bear (Animal Collective), e mais recentemente para “Maria da Vila Matilde”, da ícone brasileira Elza Soares.

www.soundcloud.com/dj-marfox

DJ Nervoso, nascido em São Tomé e Príncipe e residente no bairro da Quinta do Mocho, na periferia de Lisboa, há mais de duas décadas, é uma das principais referências a quem nomes como DJ Marfox ou DJ Firmeza devem o seu início nas lides da produção e de deejaying, inspirados pela potência e beleza dos seus DJ sets desde que eles ainda mal tinham entrado na adolescência, por volta de 2001-2002. Nervoso é reconhecido pela sua abordagem minimal e directa ao ritmo, trabalhando o apelo primordial e hipnótico de tambores percutidos, na sua busca permanente de por as pessoas a mexerem-se. O seu som é feito para unir, não dividir, a pista de dança. A Príncipe lançou o primeiro e homónimo EP deste verdadeiro pioneiro no Outono de 2016. O disco contou com temas novos inéditos lado a lado com temas antigos (ou com mais justiça, 'Clássicos’), demonstrando o nível de excelência que atingiu desde cedo. Cartografar a evolução das produções do homem não é o que é mais relevante para ele ou para a editora. Ele basicamente fez sempre a mesma track (a mesma canção), talvez duas, três, como os Grandes sempre fazem. O sentido de narrativa na sua música de dança definitivamente coloca-o nesse patamar.

www.soundcloud.com/dj-nervoso